Skip to content

Sucesso da jornada do Encontro Social Alternativo ao Petróleo

30/06/2008

Ecoblogue, 30 de junho de 2008

Mais de 500 pessoas participaram, em Madri, na Espanha, da jornada do Encontro Social Alternativo ao Petróleo de domingo (29 Jun), a qual consistiu em debates sobre a relação entre o petróleo e as guerras, os impactos das petrolíferas nos países pobres, o pico do petróleo, modelos de agricultura e mobilidade não dependentes de combustíveis fósseis, e muitos outros. Agora terão lugar acções de denúncia ao XIX Congresso Mundial do Petróleo, que foi brindado já com uma manifestação no sábado em Madrid que juntou mais de 1.000 pessoas sob o lema “Não mais sangue por petróleo”. 

Na assembleia de encerramento das jornadas, que juntou mais de 150 ativistas, apresentaram-se as principais conclusões dos diferentes painéis de debate e definiram-se possíveis estratégias de trabalho coletivo no curto e médio prazo. Entre estas há a destacar a difusão e apoio às experiências de resistência a projetos do Estado, como a Plataforma Cidadã Refinaria Não da Extremadura, assim como a denúncia judicial das empresas petrolíferas pelos impactos das suas actividades.

O comunicado lido na manifestação denunciou “as estratégias de manipulação da opinião pública e o lavar de cara das empresas petrolíferas”, incluindo reivindicações pelo “direito à soberania dos povos sobre o seu território e os seus recursos” e por “modelos energéticos baseados na poupança, eficiência e as renováveis”. Previamente, cerca de 100 ciclistas foram até ao Parque do Retiro, onde o presidente de câmara celebrava a recepção dos comissários do XIX Congresso Mundial do Petróleo.

Os manifestantes pretenderam transmitir aos mais de 4.000 delegados do Congresso que não são bem-vindos por terem as “mãos manchadas de sangue”. Também denunciaram “a absoluta hipocrisia do presidente autarquico Gallardón, assim como do governo autonómico e estatal, que de um lado lançam inúmeras promessas de combate às alterações do clima mas abrem as portas da cidade à principal indústria responsável por um dos maiores problemas globais que enfrenta a humanidade e terá impactos sobre centenas de milhões de pessoas”.

Anúncios
2 Comentários leave one →
  1. Pedro permalink
    01/07/2008 16:23

    Ola!
    então, falei com o Jose Paulo hoje e ele me passou um email, alguem chamado flávio. Sei que o email não foi, acho que eu escrevi errado quando ele me ditou, o email do cara é meio complicado. De qualquer forma, estou enviando essa menssagem para pedir que me incluam na lista pra dar continuidade aos dialogos.
    Sem mais
    Pedro Brandão

  2. zecopol permalink*
    07/07/2008 17:45

    Olá Pedro, acabei de ver seu comentário, jajá te incluímos na lista.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: