Pular para o conteúdo

Padrões de consumo = hábitos??

08/06/2008

O blog Energia Eficiente apresentou um post muito interessante comparando padrões de consumo de diferentes países. O resultado é, de um lado, abundância (principalmente pelos países mais ricos) e, do outro, escassez.
Muitos argumentam que esses padrões de consumo estão associados a cultura e hábitos dos países. Ao ver as imagens na continuação deste post, questiono (já negando) se realmente podemos considerar que é um hábito, por exemplo, uma família se alimentar com apenas US$1.23 por semana. É mais além…

Vejam as fotos a seguir.

1 – Alemanha: Família Melander de Bargteheide.
Despesa com alimentação em 1 semana: 375.39 Euros / $500.07 dólares

2 – Estados Unidos da América: Família Revis da Carolina do Norte
Despesa com alimentação em 1 semana: $341.98 dolares

3 – Italia: Família Manzo da Secília
Despesa com alimentação em 1 semana: 214.36 Euros / $260.11 dolares

4 – México: Família Casales de Cuernavaca
Despesa com alimentação em 1 semana: 1,862.78 Pesos / $189.09 dólares

5 – Polónia: Família Sobczynscy de Konstancin-Jeziorna
Despesa com alimentação em 1 semana: 582.48 Zlotys / $151.27 dólares

6 – Egito: Família Ahmed do Cairo
Despesa com alimentação em 1 semana: 387.85 Egyptian Pounds / $68.53 dólares

7 – Equador: Família Ayme de Tingo
Despesa com alimentação em 1 semana: $31.55 dólares

8 – Butão: Família Namgay da vila de Shingkhey
Despesa com alimentação em 1 semana: 224.93 ngultrum / $5.03 dólares

9 – Chade: Família Aboubakar do campo de refugiados de Breidjing
Despesa com alimentação por semana: 685 Francos / $1.23 dólares

About these ads
5 Comentários leave one →
  1. ogum777 Link Permanente
    09/06/2008 11:11

    é…
    cada vez mais se percebe que a fartura de um povo se deve à pobreza de outro…
    a áfrica é uma grande fornecedora de alimentos para a europa, que não produz o que come há cerca de um século…
    enquanto isso, aqui no brasil, nós temos a fome ao lado da fartura. enquanto há um mendigo esfomeado à frente de um andar térreo de um edifício nos jardins, em outros andares do mesmo prédio esbanja-se os alimentos….

  2. 09/06/2008 18:07

    Mas é isso mesmo.
    Outra coisa que chama a atenção é que quanto mais capitalizado maior a dependência de alimentos industrializados.
    E o que intriga realmente é COMO podemos assumir a existencia de povos humanos como os africanos? Isso é sem moral, sem escrúpulo…
    Parabéns pelo Blog!

  3. 30/06/2008 15:02

    Olá, tudo bem?
    Valeu pelo crédito e obrigado pela visita ao Energia Eficiente!
    Grande abraço e voltarei mais aqui!

  4. Rafael Augusto Link Permanente
    17/10/2010 11:37

    É e tem muita gente que fala que a escravidão acabou, vemos claramente que os países do continente africano continuam na miséria, e que a segregação racial ainda existe, que ficou bem claro na ultima copa do mundo na África do Sul.

  5. Escola Secundária Damião de Goes Link Permanente
    03/11/2011 13:10

    Nota-se uma grande diferença, em relação á quantidade e qualidade dos alimentos, entre os países desenvolvidos, que comem em excesso, e os países em desenvolvimento, que pelo contrário têm carência.
    O que existe nos países ricos devia ser distribuido pelos países pobres.

    Turma 10ºF

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 77 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: